5 de fevereiro de 2015

Crónica: Repto às Pitas

    Eu bem sei que vou acabar por tocar no mesmo ponto da crónica «O que é isso do SWAG?», mas perante as imagens que vos venho mostrar senti necessidade de voltar a sair da minha gruta - com a minha longa barba - para dar uma piçada às pitas de hoje em dia.
    Acabei por escolher estes dois exemplos de crianças que demonstram muito bem que a coisa está preta na juventude portuguesa. A primeira já é uma conhecida dos internautas - Tatiana Neves. A outra - pelo que me apercebi - é uma suposta inimiga da primeira de seu nome Diana Pereira. E para quem caiu aqui de pára-quedas e não sabe o que estas duas moças fazem... Eu também não sei. Julgo que tiram fotos com algumas peças de roupa - por vezes com frases bombásticas (na cabeça delas) - com o objectivo de... Não sei qual é o objectivo. Talvez seja só angariar likes numa foto... É um objectivo de vida como outro qualquer... 
    Antes de passar ao que interessa, venho alertar-vos - caros dois leitores - que poderá existir uma linguagem menos própria no que resta deste pequeno texto. Agora avancemos:

    Ora, portanto... A Tatiana já fez outros videos, mas eu escolhi este onde ela aparece de cuecas de dormir e com um top que não lhe serve, que apenas lhe está a esmagar os poucos seios que tem. Para finalizar a indumentária tem um boné que está para ali pendurado. Dá claramente para ver o que ela tem na cabeça através do buraquinho do boné - nada (para além dum tufo de cabelo pintado). Ela começa por dizer que tudo o que tem é verdadeiro. Ok, Tatiana. Nós olhamos e percebemos isso. Mas ela continua e afirma que tem mamas e rabo, e dá umas voltinhas para o demonstrar. Epá, oh Tatiana, o Zé Maria do Big Brother também tem e não é por isso que anda no Facebook a fazer poses ridículas com «roupa artística»...
    Agora atentemos às palavras todas Charlie da Tatiana. Vamo-nos tentar abster que ela disse algumas vezes "me vêm" e foquemo-nos nas suas últimas palavras: «Cada um faz o que quer, cada um é como é e quem não gosta mete na beira do prato, quem não gosta come mais até aprender a gostar... E olhem, c'est la vie» - Muita bem. Então se quem não gosta vai meter à beira do prato como é que come mais até a aprender a gostar? Ah, espera... Já sei. É amante do período Barroco e lançou aquela antítese só para mostrar aquele domínio em cultura geral. É isso mesmo.
    Noutro video a Tatiana dirige-se aos seus haters. Haters são aqueles que criticam só porque "sim" o trabalho de outrem. Ora... Vou dar-te uma novidade, Tatiana. Tu não tens haters porque o que fazes não é digno de ser avaliado como uma coisa positiva. Tirar fotos para o Facebook para ter likes, é só parvo. Daí que seja totalmente normal que hajam pessoas que gozem com esse facto. Se és toda Charlie para tirar fotos com "roupa artística" porque "cada um faz o que quer", também nós temos o direito de gozar com isso.



    Esta ainda se enterra mais. Não fiz bem o trabalho de casa com medo de me fazer mal à saúde mental, mas julgo que esta criança é uma inimiga da Tatiana. Disputam o quê? Não sei bem... Mas deve ser uma espécie de Star Wars dos likes. Derivado à pose, só me consegui aperceber que estava a olhar para um ser humano devido às suas estranhas expressões faciais. Caso contrário, assimilaria que alguém tinha roubado um manequim da Zara Kids e o vestiu pessimamente. Mas não. É mesmo uma moça que pendurou um boné (ou terei que utilizar o termo cap?) para parecer o Megamind.
    Portanto... Ela começa por ofender as gentes do Facebook ao referir que têm um grave problema. Bem sei que não se deve julgar as pessoas pelo que vestem, mas utilizei o meu livre-arbítrio para desconfiar que se calhar seria ela a ter um. «Vaca não sou. Puta, ya. Se calhar até sou puta!» - Eu imagino o ar derrotado dos pais ao verem este video. Pelo menos é bom que fiquem com um ar derrotado e reflictam sobre o que correu mal. Só que isto não acaba aqui. Ela tem que explicar porque é que "ya", se calhar até é puta. Então diz ela que é puta (já me estou a sentir um Nuno Melo no Crime do Padre Amaro) porque as putas metem os cornos, não têm os cornos. Tão pequenina e já a querer usar a lei da lógica. Quem diria... Pena é que não tenha lógica nenhuma. E a verdade é que em tão tenra idade se orgulha perante toda a Internet que é puta e que o prefere ser a ser traída. Aqueles valores tão bem assentes...
    No fim lá manda um beijinho para os seus "jéiters" e para a Tatiana Neves que - para ela - é uma estúpida de merda e que pensa que é boa, mas de boa não tem nada. Estúpida de merda não sei. Não vou chegar a esse ponto porque não conheço a rapariga ao ponto de tirar essa conclusão. Pensar que é boa, mas não o ser já é uma acusação que apoio... Mas também não vamos falar muito, pois não pequena manequim da Zara Kids?

    Posto isto, lanço o desafio às pitas de hoje em dia de - pura e simplesmente - pensarem. Só isso. Acreditem que não custa assim tanto. Pensar nas figuras ridículas que estão a fazer e nas repercussões que isso tem no vosso futuro. Não queiram armar-se em crescidas quando ainda não o são. Desfrutem da vossa idade e não queiram ser adultas tão cedo. Ainda por cima umas adultas tão banais... 
    Bem sei que o que move grande parte da população é a busca intensa pela fama. Só que ao agir desta maneira só estão a atrair má fama. E isso não é positivo. Façam algo de produtivo que a fama advirá por acréscimo se o meio onde trabalharem for propício a isso mesmo. Procurar a fama por meios pouco éticos só atrai chacota pública. E acreditem que não vão ser felizes com a frase "Bem ou mal, falem de mim".
    Os pais também deviam ter algum controlo sobre a situação. Uma coisa é dar liberdade, outra é dar liberdade a mais. Quando acharem que é só uma fase da adolescência, já poderá ser tarde demais. Só que no que toca a valores, cada um transmite os que quer aos seus. Decerto que tentarei transmitir o melhor que tenho aos meus quando esse dia chegar.


              Tiago Moreira

1 comentários:

  1. Textos com conteúdo como este é que não se tornam virais .. tskk!!

    ResponderEliminar